[Resenha] Cores de Outono

postado por Ingrid Santos

Autor: Keila Gon
Editora: Novo Século
Páginas: 440


Melissa, uma mulher de 21 anos que por fatalidade do destino perde a mãe e o padrasto em um acidente e se vê com a responsabilidade de cuidar de Alice, sua irmã de apenas cinco anos. Ela então volta a suas raízes para morar com o avô George em uma cidade pequena do interior, onde todo mundo se conhece e faz fofoca sobre tudo.

 Há muito tempo uma família moradora da montanha na cidade vem sendo alvo de fofocas e olhares curiosos, afinal todos acreditam que a montanha tem algo de assombrado. Essa família é a família Von Berg e é sim um tanto excêntrica. Os membros mais vistos da família são pessoas extremamente bonitas e que parecem viver em seu próprio mundinho, principalmente Vincent. Ele não é realmente parte dda família mas mora com eles e é ainda mais estranho, perturbando a cidade toda com seu jeito arrogante e mau humorado. Curiosamente é esse Vincent que encanta Melissa, ele age com ela de uma forma diferente, e possui irresistíveis olhos turquesa.

Melissa é muito desastrada, não desastrada do tipo estabanada, mas do tipo que não mede as consequência de seus atos aparentemente inocentes, ela não vê perigo nas coisas. Vincent é um cavalheiro grosseirão, rabugento e muitas vezes sem educação, mas por incrível que pareça é ele que muitas vezes ajuda Melissa quando ela está com algum tipo de problema.Ela até acha isso meio estranho, pois parece que sempre que ela precisa ele está bem ali.

Após uma série de acontecimentos desse tipo o relacionamento de Melissa e Vincent começa a desabrochar, não de uma forma rápida e louca, mas aos poucos, sendo um romance meio "avassalador" mas de uma maneira mais suave. Melissa é guerreira, ela não se deixa levar pelos acontecimentos da vida e quer proteger sua irmã a qualquer custo, mesmo que para isso ela tenha que abdicar de alguns prazeres da vida e que tenha que adiar seus planos, por isso ela não está realmente querendo algum relacionamento mas não consegue se segurar perto desse homem misterioso.

Vincent é o tipo de cara apaixonante. No começo é fechado e misterioso, sendo arrogante e mal educado, mas isso somente porque ele carrega o segredo que vai virar o mundo de Melissa de cabeça para baixo, e o de Alice também. Assim que as coisas são reveladas e o romance avança ele se mostra um cara doce e encantador, sempre preocupado com a segurança de Melissa e sua irmã.

A personagens secundárias são muito bem colocadas na narrativa e são essenciais para a veracidade da história. O avô de Melissa é um cara super preocupado, que vive perto da montanha a tempo suficiente para saber que é perigoso que sua neta se envolva com os moradores de lá. Os vizinhos da garota também são uma parte bem legal, são pessoas tipicamente interioranas, que estão sempre ali para ajudar quando for preciso e transmitem hospitalidade.

Meu parabéns a editora que fez um trabalho ótimo com esse livro! A diagramação está perfeita,espaçamento e tamanho de letra exatamente da maneira que eu acho ser a mais apropriada e a capa, aaaaaaaah eu AMEI! Tem tudo a ver com o clima do livro e é muito linda de se ver, do tipo que você fica olhando e admirando os detalhes  o tempo todo.

 A autora é uma fofa, já tive a oportunidade de falar um pouco com ela por meio de um grupo de leitores e ela é uma pessoa muito legal e além de tudo nos agradecimentos do livro ela compartilha uma playlist com músicas que tem tudo a ver com o livro e ainda uma receitinha de brigadeiro. Dá pra acreditar?? haha

O enredo da história é muito bom, sem falar da maneira como foi escrito, dou os parabéns a Keila Gon que, na minha visão, é uma das maiores promessas da literatura nacional. Enfim, o livro me encantou de verdade com sua suavidade; claro que não foge de vários clichês, mas quem é que não ama alguns clichês, certo? Com certeza quero muito ler a continuação dele e recomendo demais

 Classificação:









1 comentários:

Midiã disse...

Oi Ingrid, adorei a resenha.
Apesar de ter visto a capa deste livro em vários blogs, eu nunca tinha lido nada sobre ele. Achei muito interessante a história, e me despertou um grande interesse em conhecer a obra, pois gosto bastante do gênero dele. Também achei a capa linda *-* os livros nacionais tem me surpreendido bastante ultimamente e fico torcendo para que os autores nacionais continuem nesse ritmo.
Beijos.

Postar um comentário

Obrigada pela visita.
Assim quando eu puder eu vou responder e retribuir o seu comentário, por isso eu te peço que não esqueça de colocar o link do seu blog aqui.
Volte sempre!
Beijinhos.