Filmes baseados nos livros de Nicholas Sparks

postado por Midiã Cardoso


Não é atoa que Nicholas Sparks é um dos mais famosos autores do mundo. Suas histórias são emocionantes e encantadoras que eu particularmente adoro. Se eu não me engano, ele já criou 18 romances e dentre eles, 9 já foram adaptados para o cinema. Eu sou apaixonada pelas histórias que Nicholas escreve, no entanto não gosto das tragédias que ele coloca nos livros. Para quem conhece esses livros, sabem que sempre têm algum momento triste, né? Portanto acredito que isso que faz com que os livros se tornem tão marcantes. Eu tenho 3 livros do Nicholas, mas só li "Diário de uma paixão" e "Um homem de sorte", ambos mexeram muito comigo (gostei mais do primeiro). Mas enfim, fiz esse post para falar não dos livros, e sim dos filmes baseados nos romances do autor. A maioria deles me fizeram chorar de tão emocionante que eram, os meus filmes preferidos são "Um amor para recordar" e "A última música" (chorei muito com eles). Como hoje é sábado, e é dia de falar de filmes aqui no blog, eu resolvi indicar esses filmes para vocês, pois já que hoje é "Dia do beijo" nada melhor que assistir um romance, né? rsrs







John Tyree (Channing Tatum) é um jovem soldado que está em casa, licenciado. Um dia ele conhece Savannah Curtis (Amanda Seyfried), uma universitária idealista em férias, por quem se apaixona. Eles iniciam um relacionamento, só que logo John precisará retornar ao trabalho. Dentro de um ano ele terminará o serviço militar, quando poderão enfim ficar juntos. Neste período eles trocam diversas cartas, onde cada um conta o que lhe acontece a cada dia.








"Ronnie" Miller (Miley Cyrus) tem 17 anos, é filha de pais divorciados e seu pai (Greg Kinnear) mora longe de Nova York, numa cidade praiana. Após três anos de separação, ela ainda sente raiva por tudo o que aconteceu até o dia em que sua mãe (Kelly Preston) decide enviá-la para passar o verão com ele. Uma vez lá, depois de conhecer novas pessoas e paixões, ela encontra alguém que, além de bom músico e professor, é, acima de tudo, um verdadeiro pai. 









Numa clínica geriátrica, Duke, um dos internos que relativamente está bem, lê para uma interna (com um quadro mais grave) a história de Allie Hamilton (Rachel McAdams) e Noah Calhoun (Ryan Gosling), dois jovens enamorados que em 1940 se conheceram num parque de diversões. Eles foram separados pelos pais dela, que nunca aprovaram o namoro, pois Noah era um trabalhador braçal e oriundo de uma família sem recursos financeiros. Para evitar qualquer aproximação, os pais de Alie a mandam para longe. Por um ano Noah escreveu para Allie todos os dias mas não obteve resposta, pois a mãe (Joan Allen) dela interceptava as cartas de Noah para a filha. Crendo que Allie não estava mais interessada nele, Noah escreveu uma carta de despedida e tentou se conformar. Alie esperava notícias de Noah, mas após 7 anos desistiu de esperar ao conhecer um charmoso oficial, Lon Hammond Jr. (James Marsden), que serviu na 2ª Grande Guerra (assim como Noah) e pertencia a uma família muito rica. Ele pede a mão de Allie, que aceita, mas o destino a faria se reencontrar com Noah. Como seu amor por ele ainda existia e era recíproco, ela precisa escolher entre o noivo e seu primeiro amor.








Quando uma misteriosa mulher chamada Katie (Julianne Hough) se muda para a pequena cidade de Southport, Carolina do Sul, seus novos vizinhos começam a levantar questões sobre seu passado. Bela e discreta, ela evita qualquer tipo de laço pessoal com os outros habitantes da região até que conhece o charmoso Alex (Josh Duhamel), um homem gentil, viúvo e pai de dois filhos, e a sincera Jo (Cobie Smulders), que se torna sua amiga. Katie começa a se interessar por Alex e se sente cada vez mais afeiçoada a ele e sua família. Ela acaba se apaixonando mas um segredo de seu passado a impede de ser plenamente feliz.












plenos anos 90, Landon Carter (Shane West) é punido por ter feito uma brincadeira de mal gosto em sua escola. Como punição ele é encarregado de participar de uma peça teatral, que está sendo montada na escola. É quando ele conhece Jamie Sullivan (Mandy Moore), uma jovem estudante de uma escola pobre. Com o tempo Landon acaba se apaixonando por Jamie que, por razões pessoais, faz de tudo para escapar de seu assédio.









Em meio a uma batalha em plena Guerra do Iraque, o fuzileiro Logan Thibault (Zac Efron) encontra no chão a foto de uma mulher desconhecida. Ele a guarda e passa a cuidá-la como se fosse um talismã, prometendo que, caso sobreviva à guerra, irá encontrá-la. Meses depois, ele retorna aos Estados Unidos e passa a pesquisar onde ela poderia morar a partir de pistas dadas pela própria foto. Ele a encontra em um canil, onde trabalha juntamente com a avó (Blythe Danner) e vive com o filho pequeno (Riley Thomas Stewart). Logan passa a também trabalhar no canil, sem revelar o verdadeiro motivo pelo qual chegou até ele.







A vida de Adrienne Willis (Diane Lane) está um caos, o que faz com que busque refúgio em Rodanthe, uma pequena cidade litorânea na Carolina do Norte. Lá ela fica na pousada de uma amiga, onde espera refletir sobre seus problemas com a filha adolescente, que vive criticando-a, e com seu antigo marido, que pediu para retornar para casa. Logo chega ao local o dr. Paul Flanner (Richard Gere), que enfrenta uma crise de consciência. Com uma violenta tempestade se aproximando, eles se conhecem melhor e, buscando consolo um no outro, têm um fim de semana que muda para sempre suas vidas.




Ao caminhar pela praia, Theresa Osborne (Robin Wright) encontra uma garrafa com uma carta romântica e extremamente sincera, pois era também uma despedida, um adeus. Ela fica tão impressionada que usa os meios que dispõe trabalhando como jornalista em Chicago e tenta saber quem escreveu a carta. Ela então descobre que foi escrita por Garret Blake (Kevin Costner), um construtor de barcos da Carolina do Norte, para Catherine (Susan Brightbill), sua esposa, e, ao conhecê-lo, fica sabendo que Catherine faleceu precocemente. Em pouco tempo surge uma atração mútua entre Theresa e Garret, mas os fantasmas que ele carrega não permitem que ele viva este novo amor por completo.


P.S.: Os dois últimos filmes eu não coloquei o trailer porque não encontrei no youtube.


Você gosta dos filmes baseados nos romances do Nicholas?
Qual é o seu filme preferido?
Obrigada por tudo.
Beijinhos ^^





8 comentários:

Stéph disse...

Ai, AMOOO os livros do Nicholas, ele é um dos meus autores favoritos.
O primeiro filme que vi foi Um Amor Para Recordar, quando nem sabia quem era Nicholas e nem gostava de ler e chorei horrores.
A Última Música eu acho que foi a adaptação que mais gostei até agora, eles foram muito fiéis ao livro e ficou incrível.
Diários de Uma Paixão é PERFEITO! Mas ainda não li o livro pra poder comparar como o filme....
Beijos.
http://vidadaleitora.blogspot.com.br/

Regiane Barbosa disse...

Nossa assisti metade desses! Amei todos!
Agora ler eu não li nenhum, mas deve ser bem emocionante!

http://penteadeiracorderosa.blogspot.com.br/
Bjinhos

Niaze Santos disse...

Todos são perfeitooos.
Ele é o melhor autor de romance atualmente.
Vale muito a pena assistir, ler, ouvir...

bj

Emily Swan disse...

O meu amor pelo livros do Nicholas começou em A Última Música, é muito bom! Eu amei, amei, amei e quero ler todos os outros livros do Nicholas :)

Um beijo,
Emily Swan do Livro Apaixonado

Cida disse...

Eu comecei assistindo os filmes, depois li os livros, gosto de ambos,acho que é o único caso que tanto as adaptações quantos os livros me agradam. Em breve quero assistir um Porto Seguro, a história é linda e quero muito ver nas telonas.

Bjos!!
Cida
Moonlight Books

Kel Araujo disse...

Acredita que eu não vi nenhum filme do Nicholas? Já li O Diário de uma Paixão, Querido John, A Escolha (mas esse não tem filme =P) To com Um Amor para Recordar na fila também, mas nunca vi nenhum filme. Quero ver se começo por Um Porto Seguro logo logo =)

beijos
Kel
porumaboaleitura.blogspot.com.br

Midiã disse...

Eu também chorei horrores com "Um amor para recordar". Ainda não li "A última música", mas amei o filme, é muito lindo. "Diário de uma paixão" é lindo no filme e livro, ainda bem que li primeiro.
Beijinhos flor.

Stefani Desidério disse...

Um amor para recordar é lindo, mas o meu preferido mesmo é Diário de uma paixão, já assisti a maioria, mas sempre me pego vendo Diário de uma paixão mais de uma vez rs

Postar um comentário

Obrigada pela visita.
Assim quando eu puder eu vou responder e retribuir o seu comentário, por isso eu te peço que não esqueça de colocar o link do seu blog aqui.
Volte sempre!
Beijinhos.