[Resenha] Um homem de sorte

postado por Midiã Cardoso



Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
Páginas: 349
Classificação:


Mais um livro do meu autor preferido, Nicholas Sparks  tem uma forma única de escrever, nos seus livros ele nos encanta a cada página que viramos. Assim quando vi a capa do livro Um homem de sorte eu já gostei, sei que não temos que comprar o livro apenas pela capa, mas eu tinha a certeza que sendo obra de Nicholas valeria a pena. E como esperado, eu não me enganei, pois Um homem de sorte é encantador.

Neste livro conhecemos Logan Thibault, um ex fuzileiro naval que durante uma guerra, encontrou uma foto de uma moça no chão. Imediatamente ele colocou a foto visível para que o dono a encontrasse, sendo que passando algum tempo a foto permaneceu no mesmo lugar e Thibault decidiu ficar com a foto. Para onde ele ia, levava consigo a foto no bolso, e com isso ele se livrou da morte várias vezes, ganhava em jogos, ou seja ele estava ficando com sorte. Apesar dele não acreditar muito em superstições, seu amigo Victor dizia que era a foto que estava dando sorte a ele, e que Thibault tinha o dever de encontrar a moça da foto e agradece-la pessoalmente pela sorte que ele estava possuindo através dela. Com a morte do amigo Victor, o jovem militar decide seguir os conselhos dele, e foi em busca da moça da foto. Sem saber aonde encontra-la e como encontra-la, Thibault se sentia mais forte a cada passo que dava, e com sua única companhia, o cachorro Zeus, ele permaneceu com aquele objetivo na cabeça... ele iria encontrar aquela moça loura da foto. Quando finalmente a encontrou, Thibault descobriu mais sobre a moça, finalmente soube que ela se chamava Elizabett (Beth) e que possuía juntamente com a vó um canil. Aproveitando que a vó de Beth precisava de um funcionário, Logan se prontificou a ocupar a vaga, e assim pode ficar mais perto de Elizabeth. Aos poucos eles foram se conhecendo e Logan foi se apaixonando pela moça, mas como nada é fácil, ele descobriu que Beth tinha um ex marido, e para piorar ele era o temido policial Keith Clayton, que desde quando avistou Logan pela primeira vez, não gostou muito dele, e com isso ele tenta interferir no relacionamento de Beth e Logan.

Confesso que ao iniciar o livro não gostei tanto assim, a escrita estava um pouco carregada e eu estava tendo dificuldade para compreender a nova forma de apresentação dos personagens. A cada capítulo a história é narrado por um personagem diferente, o primeiro capítulo é narrado pelo policial Clayton e Thibault, no segundo somente o Thibault que narra, no terceiro temos a narração de Beth e assim sucessivamente. Gostei bastante, pois assim o leitor teve acesso a uma linha de pensamento dos personagens principais, ou seja, a história foi narrada em terceira pessoa, com o ponto de vista desses três personagens. Depois que me acostumei com a escrita de Nicholas nesse livro, li direto. A história é viciante, embora ache que “Diário de uma paixão” seja muito melhor que esse, mas o romance de Beth e Logan é lindo, a forma como ele a conquista, o jeito como ele se preocupa com ela e com sua família. A propósito achei o filho de Elizabeth e fofo e a vó dela também, sorri bastante com a Nana, é uma gracinha também.  O livro não é empolgante, mas nos emociona muitas vezes, uma coisa que não gostei foi o final, foi algo tão rápido e sem vida, quando terminou o livro eu pensei: “ Ué, mas já?”, mas tirando isso foi bom o livro, eu recomendo.




7 comentários:

Monique Químbely disse...

Nao gosto muito de Sparks, apesar de ter lido dois livros dele. A escrita flui, mas nao vicia. E os personagens repetitivos. mas esse parece ter um enredo interessante e leria, mas comprar está difícil.

PS: retire a verificaçao de palavras para facilitar o comentário!

Midiã disse...

Gosto não se discute né? (rsrsrs) Eu Realmente este livro é diferente, vale a pena você conferir. Obrigada pela visita. Beijos!


Ps: Obrigada pela alerta, já retirei a verificação de palavras.

Anônimo disse...

Gosto muito dos livros de Nicholas Sparks e o meu livro preferido é o "Melhor de Mim" mas "Um Homem de Sorte" é realmente muito bom. Quanto a sua resenha achei bem esclarecedora e definiu muito bem o livro. Para quem ainda não leu podem ter uma ideia bem clara aqui.

millacneves disse...

Do Sparks só li Querido John e Noites de Tormenta, amei o primeiro e humm... gostei um pouco só do segundo, então não sei se o Sparks vai ter mais livros dele na minha lista de leitura e na estante. Mas Um Homem de Sorte pode me cativar, quem sabe? Mas eu não compraria, só se alguém me desse de presente!! hahahahaha Ah, ficou ótima a resenha viu? =)

Luiz Eduardo disse...

Muito boa a resenha ! ;]

www.meninolendo.blogspot.com

Agnes Priscila disse...

Bom, sempre gostei dos livros dele. Estou querendo comprar mais um, acho que esse vai ser uma boa opção.
:D
http://agnespriscila.blogspot.com.br/

Francielle disse...

Gosto bastante dos livros do Nicholas. Meu favorito é Querido John.
Ainda não li Um Homem de Sorte, mas pretendo ler ainda esse ano.
Beijos e boas leituras!

http://theserialreader.blogspot.com.br/

Postar um comentário

Obrigada pela visita.
Assim quando eu puder eu vou responder e retribuir o seu comentário, por isso eu te peço que não esqueça de colocar o link do seu blog aqui.
Volte sempre!
Beijinhos.